sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Tinha um Kimi no meio do caminho

Enfim, terminou a indefinição em relação aos rumos de Kimi Raikkonen! A Ferrari anunciou hoje em Monza, que o finlandês e atual campeão do mundo teve o contrato estendido até o fim da temporada 2010. O vínculo anterior de Kimi era garantido até 2009.

A equipe italiana aposta na continuidade para seus trabalhos com a dupla de pilotos. Se forem juntos até lá, Raikkonen e Massa completarão 4 temporadas juntos, já que o contrato do brasileiro também vai até 2010. A notícia é um balde de água fria em outro campeão, o espanhol Fernando Alonso, que em tese substituiria o número 1 da Ferrari, caso Raikkonen se aposentasse no fim da próxima temporada. Agora, espera-se que Alonso anuncie, finalmente, para onde vai ano que vem, já que seu contrato com a Renault é de apenas um ano. As equipes que desejam ter o bicampeão têm agora mais tranquilidade para negociar contratos longos, uma vez que não precisam se preocupar com uma possível saída de Fernando para a Ferrari.

A notícia da renovação de Raikkonen encerra as especulações lançadas na imprensa européia, que garantiam que o espanhol já estaria com um pré-contrato assinado com a Scuderia para 2010. Mas não deve demorar o dia em que os jornais do velho continente começarão a tentar adivinhar as vagas da equipe para 2011, 2012...
___________________________________________________________
Alonso deve estar recitando o famoso poema de Carlos Drummond de Andrade (será meu primo?), só que adaptado ao seu cotidiano:
_
No meio do caminho tinha um Kimi
tinha um Kimi no meio do caminho
tinha uma Kimi
no meio do caminho tinha um Kimi.
Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha um Kimi
tinha um Kimi no meio do caminho
no meio do caminho tinha um Kimi
_
PS: é infamê, eu sei, mas citar Drummond num post deve deixar as pessoas imaginando que eu, blogueiro de última linha e afeito à pitacos e palpites, tenho cara de intelectual. Perdão ao eterno poeta por profanar sua obra.

2 comentários:

Paulo Maeda™ disse...

hauhauahuahua
Com todo respeito tb ao Carlos Drummond, mas o poema dele, caiu certinho na situação de Alonso. Foi bom a Ferrari se antecipar e acabar com essa indefinição toda. Agora ou Alonso fica de vez na Renault ou vai tentar a sorte na BMW (nem falo da Honda, por motivos óbvios).

Fábio Andrade disse...

Paulo, torço para que ele vá para a BMW. Acho que é a equipe que mais tem potencial para aproveitar o talento do Alonso, tirando, claro, Ferrari e McLaren.