domingo, 7 de setembro de 2008

Bélgica - Results & Coments [7]

Vai dar o que falar


Felipe Massa é o novo vencedor do Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula-1. Numa decisão polêmica, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) julgou que a manobra da ultrapassagem de Hamilton sobre Raikkonen foi irregular. Logo após o término da corrida a vitória de Hamilton ficou "sob investigação" e por volta das 13hs em Brasília (18hs na Bélgica) saiu a decisão: 25 segundos, que em teoria seria o tempo de um drive-through, foram adicionados ao tempo de chegada de Hamilton.

Com a punição, Felipe Massa, que cruzou 14s461 depois de Hamilton, herda a vitória em Spa. O brasileiro fica agora a apenas dois pontos do inglês na classificação, restando cinco corridas para o final da temporada.

Nick Heidfeld também ganhou uma posição, passando do 3º para o 2º lugar.

O problema desse tipo de decisão é a discussão que é gerada. Muito vai se falar da atuação da FIA no caso e de uma possível e velada proteção que a entidade oferece à Ferrari. O assunto não é novo, foi ressucitado no GP Europa, e agora ressurge com força total. Em Valência muita gente achou branda a punição aplicada à Ferrari pelo quase-acidente entre Felipe Massa e Adrian Sutil. A equipe foi punida em 10 mil euros (uma sumidade, diga-se) e ficou por isso. Talvez a FIA não quisesse se meter num campeonato tão bem disputado. Mas a decisão de hoje interferiu veementemente na tabela de classificação.

Vídeo: resumo da corrida contendo o incidente entre Raikkonen e Hamilton (o incidente está entre o período 2:54 e 3:10)



Por outro lado, a manobra de Hamilton não podia passar em branco. O inglês pode não ter agido com má fé, mas foi muito esperto. Ao cortar a chicane que ocupa o lugar da antiga Bus Stop, Hamilton ganhou a posição de Raikkonen ilegalmente. Percebendo o erro, o inglês devolveu a posição a Raikkonen, mas já armando o bote, melhor tracionado e embutido na Ferrari do finlandês, roubando-lhe a 1ª posição na La Source. Ficou evidente que Hamilton levou vantagem na manobra.

A FIA, com a decisão, ficou no limite da legitimidade. Julgamentos e decisões que afetam diretamente o resultado de uma competição sempre são controversos. Haverá grande discussão até o fim da temporada e, especialmente se o campeão for Massa, o resultado do ano de 2008 sempre será lembrado com esse porém, o de uma decisão no tapetão que mexeu com a realidade da disputa.

--

Depois de tudo isso, Massa, por razões óbvias é o grande vencedor do fim de semana. Mas de uma forma que não agrada a nenhum torcedor. A McLaren lançou um recurso contra a punição e na próxima semana a FIA decide se acata ou não o protesto.

Acho que dificilmente a federação voltará atrás numa decisão que por sí só já é complcadíssima.

Os próximos capítulos serão interessantes...



4 comentários:

kimi_cris disse...

Depois da punição o campeonato está ao rubro.

Eu vou o colocar na lista de blogs do Galáxia-F1

Speeder_76 disse...

Fabio, disseste tudo. Para mim, acho que o Lewis foi vitima de uma aplicação mais estrita das regras da Formula 1. Afinal de contas, estamos a falar de comissários que ontem excluiram o Giorgio Pantano, por duas manobras perigosas, na mesma corrida! E uma delas envolvendo o Lucas di Grassi...


Justo ou não justo, a polémica está lançada. E não só por aí, acho que temos de pensar nas chicanes de asfalto, pois depois disto, se devia pensar em convertê-las para como havia antes, de gravilha...

P.S: Já agora, mandando as polémicas para a cucuia, só para avisar que para as minhas bandas vai começar a Semana Ronnie Peterson. É uma coisa em grande, portanto acho que vais gostar. Aparece!

Maurício Ribeiro disse...

Eu assisti a um vídeo onboard do momento da ultrapassagem. O vídeo não deixa dúvida, Hamilton não tirou o pé, deixou Raikkonen passar mas já estava em posição de ataque. A punição foi merecida, é melhor as viúvas do Hamilton parar de chorar.

PS: o vídeo que vc postou foi tirado do ar Fábio. Não tá dando pra ver.

Fábio Andrade disse...

Obrigado pelo aviso, Maurício. Só que há um problema: a FOM retirou quase todos os vídeos que retratavam a manobra do Hamilton. Para eles a exibição dos vídeos fere as leis de direitos autorais. É uma pena, mas áté que a poeira abaixe eles vão fisaclizar com força.

Ainda restam alguns vídeos, mas todos de qualidade ruim. Basta digitar "hamilton", "raikkonen" e "spa" que você os verá.

Boa sorte!