domingo, 9 de novembro de 2008

Palavras, Idéias e Agradecimentos

Quando eu comecei a idealizar esse blog, no início do ano, não tinha planos. Não tinha idéias, nem sabia se ia conseguir dar conta de mantê-lo atualizado com a freqüência que eu queria. Agora que o ano acabou eu posso olhar para trás e dizer: “consegui.”

Não foi fácil. Acho que a maior dificuldade foi acreditar que eu poderia fazer disso aqui um espaço que valesse a pena para o leitor. Por causa dessa dúvida adiei o começo das atividades por aqui. O que era para ter começado desde o início do ano só virou realidade no começo de junho.

Escrever eu sempre quis. Mas a gente sempre arruma um jeito de adiar as coisas por motivos geralmente bobos. Relutei, fui empurrando a idéia desse blog com a barriga. Até a hora em que a vontade de falar se tornou insustentável.

Um dos motivos para os tais adiamentos era o medo de não ter tempo. Sou meio cismado, se é pra começar a fazer alguma coisa que fique direito. Que eu tenha tempo para me dedicar, para fazer bem feito. O medo de que os estudos para o vestibular me impedissem foi, talvez, o maior vilão mental deste blogueiro.

No começo eu procurava um tom. Continuo procurando, na verdade. Mas tenho certeza que hoje isso aqui é um lugarzinho que possui algum atrativo aos leitores. Está longe de ser um blog em alto nível, mas não é todo de se jogar fora. O engraçado é que quando decidi criar essa casa, em maio, não tinha idéia do rumo que isso aqui iria ter. Eu não sabia o que fazer para cativar o leitor. Tudo foi acontecendo por obra do acaso.

A primeira seção apareceu assim, por um grande acaso mesmo. Na quinta-feira anterior ao GP Canadá, o primeiro “coberto” por este blogueiro, eu queria fazer um texto relembrando o ano anterior. Aí nasceu “A Mesma Praça, Outro Jardim”, que se manteve até o fim do ano. Foi assim com todas as outras seções, como a “Memories”, surgida na segunda-feira pós-Hungria, quando me lembrei de um acidente com a Ferrari do Barrichello em 2003 em Hungaroring. A “Coluna do Fábio” foi uma idéia louca do Deivison Conceição, que cismou de me convidar para escrever semanalmente para o EsporteZone. A “Mais do Mesmo” também foi uma filha não planejada: nasceu no pós-Bélgica, ocasião em que batizei um post sobre o debatido episódio Raikkonen-Hamiltom com o título que se tornaria mais uma seção periódica.

De junho pra cá, vivemos uma sensacional temporada de F-1. Aí fico pensando no capricho das coisas. Justamente quando resolvo me aventurar num caminho como o blog, sou presenteado com um campeonato tão bonito. Do período em que comecei a escrever até o fim do mundial, a F-1 conheceu três novos vencedores, e construiu imensas polêmicas. Hamilton e Raikkonen na Bélgica e Hamilton e Massa no Japão fizeram o mundo da velocidade palpitar. E no final de tudo, na última prova do ano, justamente no GP Brasil, se desenrola uma das melhores corridas que já vi. Uma decisão de campeonato ímpar, pra ficar guardada com carinho na memória.

Todas essas questões me obrigaram a tomar partido de algo, a não poder ficar sobre o muro da dúvida. Afinal, um blog nada mais é do que debate de opiniões. E para promover uma discussão decente é preciso, em primeiro lugar, ter uma opinião minimamente embasada. Me forcei a isso e acho que não errei.

No final das contas, restam os números: 292 postagens (contando essa) em 284 dias de funcionamento (desde o dia 1º de junho), o que dá a média de 1,02 postagens por dia. Nesse período foram 502 comentários de leitores, uma média de 1,7 comentários por postagem. Pouco? É mais do que esperava para esses primeiros 6 meses.

E falando em comentários, vem a parte mais prazerosa dessa brincadeira toda. A interatividade, a discussão, o debate e os novos amigos feitos aqui. Aos poucos fui sendo descoberto e me fazendo descobrir por outros blogueiros. Fomos trocando impressões e nos divulgando mutuamente. E assim nasceram as parcerias que me deixam extremamente contente. Gente que faz um trabalho realmente top e que eu admiro muito. Não posso deixar de agradecer aos parceiros que me ajudaram nessa jornada.

Paulo Maeda, do Blog da F-Indy; Ron Groo, do Blog do Groo; Juliano Barata, do Blog do Mulsanne; Felipe Maciel, do Blog F-1; Gustavo Coelho, do Blog F-1 Grand Prix; Felipão, do BlogSport; Thiago Raposo, do Café com F-1; Speeder_76, do Continental Circus; Deivison Conceição, do EsporteZone; Kimi_Cris, do Galáxia-F1; Marcos Antônio, do GP Séries; Bruno Aleixo e Fábio Campos, do Grid GP; Diego Maulana, do No Mundo da Velocidade; Francisco Grijó, do Ipsis Litteris e ao editor do Net Esportes, que confesso não saber o nome. A todos um imenso e sonoro MUITO OBRIGADO pela gentileza que “linkar” esse blog. Obrigado pela consideração e pelos comentários que são o maior incentivo para continuar nessa jornada. Já disse milhões de vezes e repito: ter gente tão boa me visitando é uma honra. Os comentários e as palavras de apoio depositadas aqui estão guardadas com muita reverência.

Enfim, foram erros, acertos, momentos um pouco difíceis, mas este blog resistiu. Resistiu à falta de tempo em algumas semanas um pouco mais atribuladas. Resistiu e se tornou motivo de orgulho para esse blogueiro. Resistiu mas deve entrar num período de recesso nas próximas semanas. O editor desta casa entra agora nas duas semanas decisivas para o Vest-UFES 2009. Os estudos se intensificarão e o De Olho na F-1 deve ficar um pouco de lado (pelo menos eu vou tentar, porque não consigo ficar muito longe disso aqui). Eu não deixarei de passar por aqui, dar uns pitacos sobre o que acontecer de mais interessante nas próximas semanas. Mas o ritmo dever ser reduzido.

Torcida para que 2009 seja ainda melhor do que foi 2008.

5 comentários:

Felipão disse...

Obrigado pela citação Fabio e continuaremos parceiro por muito tempo, pode apostar...

Eu acho que todos nós procuramos sempre um tom...

hahahah

incrível

e boa sorte no vestiba

Marcos Antônio Filho disse...

Quem disse que seu blog não é de alto nível?Todo snós tentamos achar um tom,eu tento no meu blog falar de automobilismo de uma maneira bem humorada,mas não deixando de ser imparcial(menos com a williams,né?)
e as seções do meu blog tb surgiram de estalos,nada saiu planejado...

Torço pra que vc passe no vestibular,pois teremos um grande jornalista,você escreve muitíssimo bem.
abraços!

Thiago Raposo disse...

Valew Fábio e vamos que vamos para 2009!

Ron Groo disse...

Brigado Fábio, a gente é que agradece por fazer parte desta sua aventura bloguistica.
Seu blog é tão top quanto todos os que citou.
E se tem de reduzir, beleza! Liga o 4x4 e vamos que vamos. Parar é que não dá. Ja nos acostumamos com você aqui...
Boa sorte na faculdade, porque o vestibular você já levou de barbada.
Abraços.

Fábio Andrade disse...

Senhores, a resposta e o agradecimento desse vez serão no geral: MUITO OBRIGADO pela moral! Sou muito grato mesmo!

E que venha o vestiba!!